Estudante de medicina precisa de ajuda para criar aplicativo de saúde respiratória em Imperatriz

0
384
- Publicidade -

O estudante de medicina da Universidade Estadual da Região Tocantina do Maranhão (UEMASUL), Johnatha de Sousa Oliveira, está em fase de conclusão do projeto para desenvolvimento de um aplicativo para monitoramento e acompanhamento de pacientes com síndrome respiratória, que será disponibilizado à população de forma gratuita. 

No entanto, para finalizar o aplicativo ele precisa que mais de 300 pessoas ajudem respondendo ao questionário online de sua pesquisa.

Qualquer pessoa pode participar e as respostas servirão para fazer um levantamento sobre doenças respiratórias crônicas: Asma, Bronquite, Rinite e Sinusite na Região Tocantina, e avaliar o impacto dessas doenças na saúde pública. Para responder ao questionário, acesse o link a seguir: https://docs.google.com/forms/d/1CYoDk5oBu0ulSNocpzlQkD-ZIvyJjOQpIBTsuSu2Gfo/viewform?edit_requested=true

O estudante explicou sobre a importância de alcançar a ajuda das pessoas para a conclusão do aplicativo. “O desenvolvimento desse aplicativo tem o intuito de informar a sociedade sobre as patologias respiratórias, fazer o acompanhamento do paciente e auxiliar em todo o processo da doença durante a sua vida. Para isso, é necessário que todas as pessoas possíveis respondam o questionário.”, contou o futuro profissional da saúde.

Johnatha tem 26 anos de idade e está no 5º período do curso de medicina da UEMASUL.

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
CAPTCHA user score failed. Please contact us!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.