28.4 C
Imperatriz
quarta-feira, fevereiro 28, 2024
spot_img
InícioEstadoMilhares de peixes são encontrados mortos em lago no Maranhão

Milhares de peixes são encontrados mortos em lago no Maranhão

Na zona rural do município de Matinha, na Baixada Maranhense. Milhares de peixes foram encontrados mortos, um fenômeno que os moradores locais atribuem aos períodos de intensa seca que têm assolado a região. O lago, situado na área próxima ao povoado de Itãs, tem sofrido uma drástica redução em seu nível de água, resultando na morte dos peixes devido à falta de oxigênio.

Esta preocupante situação não é um evento isolado. Os residentes lembram que fenômenos semelhantes ocorreram em 1981 e mais recentemente em 2012, embora a severidade da seca atual não seja comparável ao episódio de 1981. A baixa nas águas do lago tem forçado os peixes a ficarem presos em poças cada vez menores, levando à sua morte em massa.

Segundo os moradores, o momento é particularmente crítico pois coincide com o período de reprodução dos peixes. Há um temor crescente de que a continuidade desses eventos possa levar ao desaparecimento de várias espécies, afetando gravemente a principal fonte de renda da comunidade: a pesca.

Em um esforço para amenizar a situação, os moradores têm se mobilizado para resgatar os peixes ainda vivos e transportá-los para áreas do lago onde ainda há água. No entanto, com a persistência da seca, até esses refúgios estão em risco de secar.

Além do impacto imediato sobre a fauna local, os residentes estão preocupados com a degradação ambiental a longo prazo. Eles apontam a destruição da mata ciliar ao redor do lago como um dos fatores contribuintes para o problema. A erosão do solo, causada pelas chuvas, tem levado à sedimentação do lago, o que agrava ainda mais a situação.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
CAPTCHA user score failed. Please contact us!

- Publicidade -spot_img

Mais Populares

- Publicidade -
#

Ultimos Comentários

× WhatsApp