30 C
Imperatriz
sexta-feira, abril 12, 2024
spot_img
InícioEstadoEncontrado corpo de menino de 8 anos que desapareceu em rio no...

Encontrado corpo de menino de 8 anos que desapareceu em rio no MA

Foi encontrado na manhã deste sábado (30) o corpo de um menino Bray Mohamed, de 8 anos, que havia desaparecido nas águas do Rio Corda, no povoado Craúna, distante 60 km do município de Barra do Corda, na última quinta-feira (28). Equipes do Corpo de Bombeiros, familiares e amigos realizaram as buscas desde o dia do desaparecimento da vítima.

As buscas foram concentradas em áreas de difícil acesso com muitas trilhas e vários pontos de alagamento. Na operação, as equipes utilizam viaturas e embarcações de resgate.

De acordo com moradores do povoado, o menino e sua família são da cidade de Formosa da Serra Negra e foram à Barra do Corda passar o feriado da Semana Santa na casa de familiares

O caso gerou grande comoção no povoado e nas redes sociais. Moradores da região também chegaram a participar das buscas pelo menino.

RECOMENDAÇÕES DE SEGURANÇA PARA BANHOS EM RIOS

Por causa do período chuvoso, os rios em todo o estado do Maranhão estão com o nível das águas elevados. Por isso, o banho nos rios nesse período não são indicados pelo Corpo de Bombeiros e Defesa, devido o alto risco de afogamentos.

Para quem frequentar os rios durante esse período, a recomendação é evitar áreas profundas e com maior correnteza, utilizar coletes salva-vidas, e crianças sempre devem está acompanhadas dos responsáveis em área segura e com coletes.

CHEIAS NO MARANHÃO

Subiu para dez o número de cidades do Maranhão que decretaram situação de emergência devido o aumento do nível de rios, por causa das fortes chuvas. Os municípios afetados são: Formosa da Serra Negra, São Roberto, São João do Sóter, Tuntum, Monção, Pindaré-Mirim, Conceição do Lago Açu, Trizidela do Vale, Lago da Pedra e Lagoa Grande.

De acordo com a Defesa Civil do Estado, o Maranhão já tem 597 famílias desabrigadas e 1.313 desalojadas. As cidades mais afetadas são Pedreiras e Trizidela do Vale, localizadas na região do Médio Mearim.

Na capital, 72 áreas de risco estão sendo monitoradas pela Defesa Civil Municipal. Como é o caso do bairro Salinas do Sacavém, que tem diversos pontos com diferentes riscos, provocados pelas fortes chuvas, e entre eles deslizamentos, alagamentos e, inclusive, desmoronamentos.

Valéria Cristina
Valéria Cristina
Jornalista - Graduada no curso de Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA). Membro da equipe de Jornalismo do Imperatriz Online e Mais Maranhão.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
CAPTCHA user score failed. Please contact us!

- Publicidade -spot_img

Mais Populares

- Publicidade -
#

Ultimos Comentários

× WhatsApp