25 C
Imperatriz
domingo, março 3, 2024
spot_img
InícioPolicialPreso suspeito de mandar matar vigilantes de fazenda no Maranhão 

Preso suspeito de mandar matar vigilantes de fazenda no Maranhão 

Um homem foi preso pela Polícia Civil, no município de Amapá do Maranhão, suspeito de mandar matar dois vigilantes de uma fazenda, no último dia 02 de janeiro. Os corpos das vítimas foram encontrados próximo ao Rio Gurupi,  na cidade de Junco do Maranhão. As vítimas foram identificadas como Antônio Wilson da Silva Santos, de 53 anos e Ailson da Paixão Torres, de 44 anos.

De acordo com a Superintendência de Polícia Civil do Interior (SPCI), o suspeito já responde a um inquérito da Polícia Federal por crime ambiental e agora está sendo investigado por ser o mandante do duplo homicídio dos vigilantes. Agora, sob determinação da Delegacia Geral, as investigações seguem com o objetivo de identificar e prender os executores do crime. 

A prisão contou com o apoio da Polícia Militar e ocorreu na manhã desta quarta-feira (09), em uma serralheria, onde o preso é o proprietário, na cidade de Amapá do Maranhão, também por porte iligal de arma de fogo e crime ambiental. Ainda de acordo com a SPCI, na serralheria do suspeito foram apreendidos toneladas de madeiras e maquinários. O material será doado ao poder público.

O corpo dos dois guardas foram encontrados por moradores da região na última quarta-feira (03). Eles eram da cidade de Cândido Mendes, e estavam trabalhando como seguranças particulares de uma fazenda, no povoado Vilela, em Junco do Maranhão. Na última terça-feira (02), as vítimas haviam saído de moto para realizar rondas na área, quando desapareceram.

A moto usada pelos vigilantes também foi encontrada próximo ao local onde os corpos foram achados. De acordo com a polícia, os vigilantes foram mortos a tiros. Ainda segundo a Polícia Civil, a principal linha de investigação é de que os guardas foram assassinados por causa de conflitos agrários.

Vanessa Carvalho
Vanessa Carvalho
Acadêmica de Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA). Membro da equipe de Jornalismo do Imperatriz Online.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
CAPTCHA user score failed. Please contact us!

- Publicidade -spot_img

Mais Populares

- Publicidade -
#

Ultimos Comentários

× WhatsApp