Início Policial Pai e filha de 1 ano são mortos a tiros no Maranhão

Pai e filha de 1 ano são mortos a tiros no Maranhão

0
31
Pai e filha de 1 ano são mortos a tiros no município de São Bernardo, no Maranhão

Um homem identificado como Clesio e a filha de 1 ano de idade, foram mortos a tiros, no bairro Morro da Arábia, no município de São Bernardo, a 370 km de São Luís, no interior do Maranhão. De acordo com testemunhas, Clesio estava com a criança no colo, quando dois homens chegaram em uma moto, um deles desceu do veículo e efetuou vários disparos contra as vítimas. De acordo com a polícia,  o pai foi atingido por onze tiros e a criança foi atingida com seis disparos . O homem morreu ainda no local.

A criança foi levada ao hospital, mas segundo a equipe médica, a vítima já havia chegado morta na unidade de saúde. Após o crime, que aconteceu por volta das 17h do domingo (21), os atiradores fugiram do local. O duplo homicídio está sendo investigado pela Delegacia de Polícia Civil de São Bernardo do Maranhão que busca esclarecer o crime.

Tentativa de homicídio 

De acordo com informações, na última sexta-feira (19), o irmão de Clesio, sofreu uma tentativa de homicídio, quando estava em casa, no Centro da cidade, em São Bernardo. Segundo a polícia, homens armados invadiram a residência da vítima e efetuaram dois disparos contra ele, porém, nenhum dos tiros o atingiu. Em seguida, o homem foi atingido por golpes de faca e ainda ferido, conseguiu fugir pelos fundos da casa. 

O irmão de Clesio foi socorrido e levado ao hospital. O caso segue sendo investigado pela Polícia Civil do Maranhão, que busca formas de esclarecer e prender os criminosos pelo duplo homicídio do pai e da filha de 1 ano e se tentativa de homicídio contra o parente da vítima tem relação. 

Mais um crime que repercutiu no Maranhão

Uma jovem, grávida de três meses, foi assassinada pelo próprio companheiro, na cidade de Santa Luzia, a 312 km de São Luís, na última sexta-feira (19). De acordo com a polícia, a vítima identificada como Nicole Souza, de 20 anos, foi encontrada em casa com sinais de estrangulamento. Nicole ainda foi levada para o Hospital Municipal de Santa Luzia, mas já chegou sem vida. Após denúncias de que ela era frequentemente agredida pelo companheiro, o homem foi preso em flagrante ainda na unidade de saúde. 

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

× WhatsApp