22 C
Imperatriz
quinta-feira, fevereiro 29, 2024
spot_img
InícioPolicialMembro de facção criminosa morre em confronto com a polícia em Itinga...

Membro de facção criminosa morre em confronto com a polícia em Itinga do MA

Um membro de uma facção criminosa morreu após entrar em confronto com a polícia no município de Itinga, no Maranhão. O confronto, que também deixou outras pessoas feridas, ocorreu durante uma operação conjunta da Polícia Civil do Maranhão e do Pará. Segundo a polícia, o alvo da operação era um grupo que tem participação no assassinato de Cícero Rodrigo da Silva, morto no dia 6 de janeiro.

Segundo a investigação, Cícero estava em um bar, no bairro Jardim Planalto, quando dois criminosos encapuzados chegaram ao local e efetuaran disparos de arma de fogo. Uma mulher também ficou ferida. O crime teria relação com disputa por área para o tráfico de drogas na região.

O motivo do assassinato seria que Cícero era de outra facção criminosa e estava vendendo drogas em seu estabelecimento comercial, o que atrapalhava o comércio de outras bocas de fumo.

No dia do crime, a Polícia Civil afirmou que um dos autores se tratava de Luís Ryan Rabelo de Carvalho, membro de uma facção criminosa e foragido da justiça paraense, onde possui dois mandados de prisão em aberto devido a um roubo mediante sequestro, em setembro de 2023, no qual um empresário foi obrigado a enviar dinheiro aos bandidos.

Já o comparsa de Ryan no crime seria Kayo Kennedy Aires Cipriano, conhecido como ‘Pará’, ou ‘Salatiel’, que já foi condenado por tráfico de drogas.

OPERAÇÃO

Após as investigações, a Polícia Civil pediu a apreensão de bens e a prisão de Kayo e Ryan. A Justiça autorizou e, nesta terça-feira (16), policiais foram até um imóvel no bairro São Sebastião, onde havia suspeita que funcionava como ponto de venda de drogas.

No local, a Polícia Civil afirma que Ryan recebeu os policiais a tiros. Houve troca de tiros e um dos policiais levou um tiro no pé. Em reação, Ryan acabou morto pelos tiros da polícia. Já Kayo não estava no local durante o confronto e fugiu.

Na residência de Ryan, a polícia afirma que encontrou a mulher dele, Sabrina que tinha sido baleada no pé e acabou presa e levada para a Unidade Prisional de Ressocialização de Açailândia. Na cad

Lucas Aquino
Lucas Aquino
Acadêmico de Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA). Membro da equipe de jornalismo do Imperatriz Online.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
CAPTCHA user score failed. Please contact us!

- Publicidade -spot_img

Mais Populares

- Publicidade -
#

Ultimos Comentários

× WhatsApp