29 C
Imperatriz
domingo, maio 19, 2024
spot_img
InícioPolicialHomem é preso por abusar e roubar mulher que estava em parada...

Homem é preso por abusar e roubar mulher que estava em parada de ônibus em Timon

Um homem de 32 anos foi preso pela Polícia Civil, nesta terça-feira (23), por abusar e roubar uma mulher de 35 anos que estava em uma parada de ônibus, no município de Timon, no Maranhão. De acordo com a delegada Mariely Vilhena, titular da Delegacia Especializada da Mulher de Timon, o crime aconteceu no dia 11 do mês de março, enquanto a vítima esperava o transporte coletivo, no bairro São Francisco.

Ainda segundo a delegada, a Polícia Civil começou as investigações e conseguiu identificar o investigado através de câmeras de segurança e de testemunhas que passavam próximo ao local da cena do crime. De acordo com a polícia, uma equipe da Delegacia Especializada chegou a ir até a casa do homem, para cumprir a ordem judicial e prendê-lo, mas ele conseguiu fugir do cerco policial. 

Porém, na manhã desta terça-feira, ele foi até a sede da delegacia para questionar o motivo do mandado de prisão e acabou preso. Após os procedimentos legais na delegacia, ele foi encaminhado para a Unidade Prisional de Timon, onde ficará à disposição da Justiça.

Depoimento 

Em depoimento, a vítima relatou à polícia que estava na parada de ônibus aguardando o transporte coletivo para ir trabalhar, por volta das 5h40 da manhã, quando viu um homem passar em frente ao local. Durante o trajeto, ele voltou para a parada e a abordou, dando um “mata leão”, que é caracterizado como um sufocamento, na vítima. 

A mulher desmaiou após ser sufocada e quando recobrou a consciência, estava sofrendo os abusos. A vítima também contou que sofreu várias ameaças de morte por parte do criminoso enquanto ele cometia o crime. Após a vítima denunciar os abusos, a Polícia Civil iniciou as investigações que resultaram na prisão de forma preventiva do investigado. 

Prisão preventiva 

Um mandado de prisão preventiva é uma ordem emitida por um juiz para prender uma pessoa suspeita de cometer um crime antes mesmo do julgamento. Essa medida é tomada quando há evidências de que a liberdade do suspeito pode representar um risco para a ordem pública, para a investigação ou para a própria segurança da vítima ou de testemunhas. A prisão preventiva é diferente da prisão após condenação, pois ocorre antes do processo judicial ser concluído e não requer uma condenação prévia.

Vanessa Carvalho
Vanessa Carvalho
Acadêmica de Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA). Membro da equipe de Jornalismo do Imperatriz Online.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
CAPTCHA user score failed. Please contact us!

- Publicidade -spot_img

Mais Populares

- Publicidade -
#

Ultimos Comentários

× WhatsApp