25.9 C
Imperatriz
quarta-feira, maio 22, 2024
spot_img
InícioEstadoDefesa Civil Nacional decreta estado de calamidade pública para Santa Inês devido...

Defesa Civil Nacional decreta estado de calamidade pública para Santa Inês devido às chuvas

O Ministério da Integração e do Desenvolvimento Regional (MIDR), por meio da Defesa Civil Nacional, anunciou na última terça-feira (16) o reconhecimento sumário do estado de calamidade pública em Santa Inês, no oeste do Maranhão. A cidade tem sido severamente afetada pelas intensas chuvas que têm assolado a região nos últimos dias. A medida foi oficializada por meio de portaria publicada no Diário Oficial da União.

Com esta declaração de calamidade pública, a Prefeitura de Santa Inês tem autorização para solicitar recursos do governo federal, destinados a executar ações emergenciais de assistência humanitária. Esses recursos podem ser utilizados para adquirir itens essenciais como cestas básicas, água potável, kits de dormitório e de higiene.

Além de proporcionar socorro imediato e assistência às vítimas, os recursos disponibilizados também podem ser direcionados para a reconstrução de infraestrutura danificada e moradias afetadas pelos desastres naturais.

Para obter acesso aos recursos, a administração municipal precisa submeter os planos de trabalho através do Sistema Integrado de Informações sobre Desastres (S2iD). Após a análise técnica da equipe da Defesa Civil Nacional, será publicada uma portaria no Diário Oficial da União, especificando o montante a ser disponibilizado.

Situação do município de Santa Inês:

A situação em Santa Inês tem se agravado devido ao grande volume de chuva, causando o isolamento de comunidades devido à cheia dos igarapés e a alagamentos significativos. Além disso, dois trechos importantes de rodovias federais que cortam a cidade foram interditados devido a desmoronamentos de pista.

Na BR-316, os desmoronamentos ocorreram nos quilômetros 267 e 268, resultando em bloqueios parciais que já foram liberados para circulação, com previsão de liberação total até quinta-feira (18). Já na BR-222, no quilômetro 363, o trecho permanece interditado, com expectativa de liberação para o fim de semana.

O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) está trabalhando arduamente para restabelecer a infraestrutura comprometida. Na BR-222, onde uma ponte desabou em 1º de abril, equipes do DNIT enfrentam desafios devido às condições climáticas adversas.

As chuvas intensas que atingem o Maranhão desde fevereiro têm gerado múltiplos transtornos em rodovias e cidades do estado, resultando até o momento na declaração de situação de emergência em 21 municípios.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
CAPTCHA user score failed. Please contact us!

- Publicidade -spot_img

Mais Populares

- Publicidade -
#

Ultimos Comentários

× WhatsApp