26 C
Imperatriz
segunda-feira, fevereiro 26, 2024
spot_img
InícioPolicialSuspeito de abusar da própria filha em Davinópolis é preso no Maranhão

Suspeito de abusar da própria filha em Davinópolis é preso no Maranhão

Um homem procurado pela polícia por suspeita de abusar da própria filha em Davinópolis, foi preso em Governador Edison Lobão. Ele estava acompanhado de uma criança.

Após uma denúncia anônima, o homem foi localizado pela Polícia Militar e encaminhado para a Delegacia da Polícia Civil, em Imperatriz.

A frequência com que casos de abuso tem acontecido são alarmantes. Desde o início de 2024, outros casos de crimes parecidos foram registrados no Maranhão.

Mais ocorrências

A frequência com que casos de abuso tem acontecido são alarmantes. Desde o início de 2024, outros casos de crimes parecidos foram registrados no Maranhão. De 17 a 20 de janeiro, três prisões ocorreram em razão de crimes relacionados a abusos sexuais.

No dia 17 de janeiro, um indivíduo, que era procurado por crime de estupro de vulnerável, foi detido em Barreirinhas.

O estupro ocorreu no município de Maracaçumé. Segundo informações da Delegacia Especializada, o indivíduo estava foragido da Justiça por anos, usando uma identidade falsa como forma de se esquivar das autoridades.

O investigado resistiu à prisão, chegando a lesionar dois policiais civis, o que resultou em sua autuação em flagrante.

No dia 18 de janeiro, um homem suspeito de abusar da própria filha foi preso pela Polícia Civil, no povoado Capemba D’Água, na cidade de João Lisboa, no Maranhão.

De acordo com a polícia, os abusos ocorreram no ano passado, na cidade de Itaguatins, no Bico do Papagaio, no estado do Tocantins. Segundo as investigações, a vítima foi abusada mais de dez vezes pelo próprio pai, que se aproveitava da ausência da mãe para cometer os crimes, além de ameaçar ela e a mãe de morte, caso contasse algo à progenitora.

No dia 20 de janeiro, um homem foi preso em flagrante por estupro, em Itinga do Maranhão. A vítima acionou a Polícia Civil, com a denúncia de que o criminoso colocou o canivete no pescoço dela, a agrediu e a abusou, sob ameaça de morte.

A vítima aproveitou o descuido do homem e conseguiu fugir levando somente sua calça e celular. Ela se escondeu em um terreno baldio próximo à delegacia.

A Polícia Militar foi até a casa do homem, onde ele foi encontrado, e no local, encontraram os objetos pessoais da mulher, o canivete usado no crime e a porta do banheiro arrombada. O homem foi preso em flagrante.

Juliana Santana
Juliana Santana
Comunicóloga e Jornalista pela Universidade Federal do Maranhão

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
CAPTCHA user score failed. Please contact us!

- Publicidade -spot_img

Mais Populares

- Publicidade -
#

Ultimos Comentários

× WhatsApp