25.3 C
Imperatriz
domingo, fevereiro 25, 2024
spot_img
InícioPolicialPF localiza serraria com madeira ilegal em Terra Indígena, no MA

PF localiza serraria com madeira ilegal em Terra Indígena, no MA

A Polícia Federal, localizou uma serraria que operava de forma ilegal dentro da Terra Indígena Arariboia, em Bom Jesus das Selvas, a 465 km de São Luís. O estabelecimento recebia e armazenava grande quantidade de madeira sem documentos de origem florestal.

Ao fiscalizar o local, o material foi encontrado e confirmado que não tinha origem legal comprovada. A ação aconteceu ontem (27) e foi resultado da Operação Mosaico Gurupi.

A Operação foi realizada entre os dias 23 a 27 de outubro na Reserva Biológica do Gurupi e na Terra Indígena Araribóia. Sendo realizada em conjunto com o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) e o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama).

Segundo a legislação de crimes ambientais, o art. 45 da Lei 9.605/98 criminaliza a conduta de cortar madeiras de lei em desacordo com as determinações legais ou transformá-las em carvão para fins industriais, energéticos ou qualquer outra exploração, econômica ou não.

O art. 46 da mesma lei, penaliza quem for receber ou adquirir, para fins comerciais ou industriais, madeira, lenha, carvão e outros produtos de origem vegetal, sem possuir a exibição de licença do vendedor, outorgada pela autoridade competente, e sem munir-se da via que deverá acompanhar o produto até o final do beneficiamento.

De acordo com PF, os responsáveis pela serraria poderão responder pelos crimes de recepção e armazenamento de madeira sem Documento de Origem Florestal, cuja a soma das penas pode chegar a 9 anos de prisão.

Vanessa Carvalho
Vanessa Carvalho
Acadêmica de Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA). Membro da equipe de Jornalismo do Imperatriz Online.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
CAPTCHA user score failed. Please contact us!

- Publicidade -spot_img

Mais Populares

- Publicidade -
#

Ultimos Comentários

× WhatsApp