Início Policial Criminoso procurado pela polícia do Paraná por cometer vários crimes é preso...

Criminoso procurado pela polícia do Paraná por cometer vários crimes é preso no Maranhão

0
4
InícioPolicialCriminoso procurado pela polícia do Paraná por cometer vários crimes é preso... Policial Criminoso procurado pela polícia do Paraná por cometer vários crimes é preso no Maranhão

Um homem, considerado um dos mais procurados do estado do Paraná, foi preso pela Polícia Civil, no município de Barreirinhas, no Maranhão. De acordo com a 20ª Delegacia Regional de Barreirinhas, o preso é investigado por vários crimes, entre eles, homicídio, tráfico de drogas, receptação, falsidade ideológica, furto e organização criminosa. 

Ainda segundo as investigações, mesmo estando foragido, o criminoso ainda comandava uma organização criminosa atuante no roubo de carga de caminhões em cidades do Paraná. A prisão ocorreu na sexta-feira (10). A Polícia Civil conseguiu prender o investigado no momento em que ele saía de uma casa, após receber informações precisas sobre a localização de onde ele estava em Barreirinhas.

A prisão foi uma ação integrada entre a Polícia Civil do Maranhão, Paraná e Pará. Contra ele haviam dois mandados de prisão, da justiça do Paraná e do Pará, onde o homem também é investigado por cometer crimes. Após ser levado para a Delegacia de Barreirinhas para os procedimentos legais, ele foi transferido para o Complexo Penitenciário de Pedrinhas, em São Luís, onde está à disposição da justiça.

Outras ocorrências policiais registradas nesta semana no MA 

A Polícia Civil deflagrou na quinta-feira (09), uma operação para cumprir mandados de prisão, busca e apreensão contra um grupo de criminosos que utilizavam fotos de agentes públicos, principalmente de políticos, para aplicar golpes no Maranhão. Um dos investigados foi preso no município de Timon. A operação também foi realizada em cidades do Piauí e Ceará.

De acordo com as investigações, o grupo criminoso agia utilizando indevidamente as imagens e nomes de agentes públicos, solicitando pagamentos de taxas, alegando envio de supostos apoios e projetos oficiais às vítimas. A polícia começou a investigar os crimes após os registros de boletim de ocorrência das vítimas, relatando que após fazerem o pagamento das taxas, desconfiaram da ausência dos projetos e do apoio aos benefícios prometidos aos seus municípios.

No Maranhão, os criminosos aplicavam os golpes usando fotos de um deputado federal e de um ministro de Estado. A operação segue em andamento para o cumprimento de todos os mandados de prisão, busca e apreensão.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

× WhatsApp