28 C
Imperatriz
sábado, fevereiro 24, 2024
spot_img
InícioPolicialAcusado de matar a ex-companheira com golpes de barra de ferro em...

Acusado de matar a ex-companheira com golpes de barra de ferro em João Lisboa vai a júri popular

Um caso chocante de feminicídio que abalou o município de João Lisboa, a 12 km de Imperatriz. Samuel de Sousa Santos, de 28 anos, acusado de matar sua ex-companheira Patrícia Rodrigues Pereira de Assis com golpes de barra de ferro, será levado a júri popular nesta quarta-feira (06). Patrícia foi brutalmente assassinada enquanto dormia em sua própria casa em julho deste ano.

Segundo relatos da polícia, o motivo do crime foi a recusa de Samuel em aceitar o término do relacionamento. Ele invadiu a residência de Patrícia e cometeu o ato violento. Após o crime, Samuel espalhou mensagens pela casa. Em uma delas, pedia desculpas ao filho e afirmava que Patrícia “merecia morrer”. O julgamento está programado para iniciar às 8h no município.

Imagens de Notícias de Imperatriz

Além disso a família do acusado no caso de Patrícia Medrado emitiu uma nota pública expressando seu profundo pesar e remorso pelo crime. Eles pediram perdão à comunidade e à família da vítima, reconhecendo que “palavras não serão suficientes”. A família declarou estar cooperando com as autoridades judiciais e reiterou seu repúdio pelo crime.

Imagens de Notícias de Imperatriz
Imagens de Notícias de Imperatriz

Estes casos ressaltam a crescente preocupação com a violência contra mulheres na região de Imperatriz.

Após o julgamento, caso Samuel seja condenado ele pode pegar pena de 12 a 30 anos de prisão pelo crime de feminicidio.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
CAPTCHA user score failed. Please contact us!

- Publicidade -spot_img

Mais Populares

- Publicidade -
#

Ultimos Comentários

× WhatsApp