25 C
Imperatriz
domingo, fevereiro 25, 2024
spot_img
InícioEstadoSão Luís é a capital do Nordeste com a menor taxa de...

São Luís é a capital do Nordeste com a menor taxa de crimes violentos, aponta relatório do Ministério da Justiça

e acordo com dados do Painel de Indicadores Estatísticos de Segurança Pública, ferramenta disponibilizada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP), São Luís foi a cidade com o menor índice de Crimes Violentos Letais e Intencionais (CVLI) entre as capitais da região Nordeste do Brasil, em 2023.

Segundo o Sistema Nacional de Estatística de Segurança Pública e Justiça Criminal (Sinesp), que coleta e valida 28 indicadores nacionais de segurança pública, a capital maranhense registrou taxa de 2,23 crimes violentos por 100 mil habitantes, entre janeiro e outubro de 2023.

Na sequência aparecem Natal (RN) com taxa 3,88; Aracaju (SE) com 4,38; João Pessoa (PB) com 4,39; Recife (PE) com 4,7; Salvador (BA) com 5,87; Fortaleza (CE) com 6,37; Teresina (PI) com 6,84; e Maceió (AL) a capital mais violenta do Nordeste, com taxa de 9,41 crimes violentos letais e intencionais por 100 mil habitantes.

Ainda com base nos números divulgados pelo MJSP, São Luís figura como a 10ª capital do país com a menor taxa de CVLIs, à frente de cidades como Belém (PA), Rio de Janeiro (RJ) e Manaus (AM).

Enquadram-se na categoria de CVLIs os seguintes delitos: homicídio doloso, latrocínio, feminicídio, lesão corporal seguida de morte e outros crimes resultantes em mortes – excetuando-se os casos de morte por intervenção de agentes do estado.

Para o secretário de Estado da Segurança Pública (SSP-MA), Maurício Martins, os bons resultados são frutos de investimentos constantes em equipamentos e operações policiais na capital.

“Todos sabem que a violência é uma realidade no Brasil. No entanto, aqui no Maranhão nós estamos conseguindo reduzir os índices de criminalidade. Isso tudo decorre dos investimentos do governador Carlos Brandão e do trabalho e compromisso das nossas forças de segurança”, avalia o secretário.

Menor taxa de homicídios da década em 2023

A Secretaria de Estado da Segurança Pública do Maranhão (SSP/MA) afirma que no mês de dezembro do ano passado, a Grande Ilha de São Luís registrou a menor taxa de homicídios da última década, como ressalta o titular da SSP, secretário Maurício Martins.

“Batemos recorde sendo a capital mais segura do Nordeste. O mês de dezembro de 2023 bateu recorde histórico nos últimos 10 anos, com a diminuição de crimes violentos letais e intencionais”, celebra o secretário de Segurança, Maurício Martins.

O balanço da SSP/MA revela ainda, que no ano passado foram registrados apenas 10 casos de latrocínio na Grande Ilha, contra 29 casos do mesmo tipo de crime contabilizados em 2022 – apenas na cidade de São Luís foram notificados apenas sete casos de latrocínio no ano passado, 71% a menos no comparativo com 2022, ano em que foram contabilizadas 24 ocorrências desse tipo de crime.

Maranhão

Ao longo de 2023, o Maranhão registrou queda nos índices dos principais crimes graves. O feminicídio teve queda de 32,79%; latrocínio 38,27%; morte por intervenção policial 46,05%; tentativa de homicídio 3,8%; morte no trânsito 3,11%; estupro 46,24%; furto de veículo 2,88%; roubo de veículo 4,31%; roubo de carga 75,19%; roubo a instituição financeira 46,15%.

Também houve crescimento na taxa de apreensão de cocaína (43,29%); e de armas de fogo (1,34%). Os dados são da Secretaria de Estado de Segurança Pública baseados nos relatórios do Ministério da Justiça e Segurança Pública.

A redução nos índices de criminalidade no estado é reflexo dos investimentos que o Governo do Maranhão tem feito no Sistema de Segurança Pública. Somente em 2023, a frota de viaturas das polícias Civil e Militar recebeu o reforço de 213 novos veículos, além de 300 novas armas, munição e itens de proteção como coletes balísticos.

Também foram implantados novos batalhões policiais na capital e interior bem como foi executada a reestruturação das instalações físicas das delegacias. Serviços como a Patrulha Maria da Penha foram ampliados assim como o efetivo da Polícia Civil.

Vanessa Carvalho
Vanessa Carvalho
Acadêmica de Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA). Membro da equipe de Jornalismo do Imperatriz Online.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
CAPTCHA user score failed. Please contact us!

- Publicidade -spot_img

Mais Populares

- Publicidade -
#

Ultimos Comentários

× WhatsApp