34 C
Imperatriz
sábado, fevereiro 24, 2024
spot_img
InícioAssinantePais de crianças com diabetes denunciam falta de entrega de insumos para...

Pais de crianças com diabetes denunciam falta de entrega de insumos para tratamento

Pais de crianças diagnosticadas com diabetes tipo 1 na cidade de Imperatriz têm se manifestado publicamente a respeito de uma preocupante falha na distribuição de insumos pelo Sistema Único de Saúde (SUS). De acordo com as denúncias, há uma escassez notável de fitas e lancetas, itens essenciais para o monitoramento e controle da doença.

Os relatos apontam que a entrega destes materiais, quando ocorre, é realizada em quantidades inferiores às recomendadas pelos protocolos médicos. Como consequência, alguns pacientes acabam sendo privados dos insumos necessários para o adequado manejo de sua condição.

Os afetados destacam que a situação persiste há mais de dois meses, tempo suficiente para trazer consequências severas à saúde dos pacientes. Com os insumos insuficientes, o controle adequado do diabetes fica comprometido, o que pode levar a complicações graves, principalmente em crianças.

As famílias cobram veementemente uma solução rápida para o problema. Eles afirmam que, sem a devida atenção, a saúde de seus filhos corre risco iminente.

A equipe do Imperatriz Online, veículo de comunicação local, entrou em contato com a Prefeitura de Imperatriz para esclarecer as alegações. A prefeitura ainda não se manifestou sobre a situação.

Diante da denúncia, as famílias e pacientes afetados aguardam ansiosamente uma resposta e, principalmente, ação das autoridades competentes. A saúde e o bem-estar de crianças diagnosticadas com diabetes tipo 1 dependem diretamente da disponibilidade desses insumos.

A comunidade espera que a prefeitura de Imperatriz, juntamente com o SUS, resolva o problema com urgência, garantindo o fornecimento regular e adequado dos insumos necessários para todas as pessoas que realizam o tratamento para diabetes tipo 1 na cidade.

DIABETES TIPO 1:

O diabetes tipo 1 é uma condição crônica em que o pâncreas produz pouca ou nenhuma insulina, o hormônio que permite que o açúcar (glicose) entre nas células para produzir energia. É geralmente diagnosticado na infância ou adolescência, mas também pode aparecer na vida adulta.

Os médicos não sabem exatamente o que causa o diabetes tipo 1. Acredita-se que seja uma condição autoimune, o que significa que o sistema imunológico do corpo ataca por engano as células do pâncreas que produzem insulina. Outros fatores, como a genética e algumas infecções virais, também podem contribuir para o desenvolvimento da doença.

Os sintomas do diabetes tipo 1 podem incluir fome e sede intensas, micção frequente, fadiga, perda de peso sem motivo aparente, visão embaçada e, em casos graves, cetoacidose diabética, uma condição que pode ser fatal se não tratada.

O tratamento para o diabetes tipo 1 inclui a administração regular de insulina, que pode ser feita através de injeções ou com o uso de uma bomba de insulina. Além disso, é importante fazer um controle rigoroso do nível de açúcar no sangue e seguir uma dieta saudável. A prática regular de exercícios físicos também é fundamental para manter os níveis de açúcar no sangue equilibrados.

Pessoas com diabetes tipo 1 devem ser acompanhadas regularmente por uma equipe médica para garantir que a doença esteja sendo devidamente controlada e evitar complicações a longo prazo, como doenças cardíacas, derrame, doença renal, problemas oculares e doenças dentárias.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
CAPTCHA user score failed. Please contact us!

- Publicidade -spot_img

Mais Populares

- Publicidade -
#

Ultimos Comentários

× WhatsApp