25 C
Imperatriz
sábado, maio 25, 2024
spot_img
InícioAssinanteCalor vai aumentar no Maranhão em agosto por causa do El Niño

Calor vai aumentar no Maranhão em agosto por causa do El Niño

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu um alerta na terça-feira (01) prevendo um aumento considerável nas temperaturas no Maranhão nos próximos dias. Segundo o instituto, a escalada do calor é atribuída ao fenômeno climático El Niño, que está reduzindo o volume de chuva no Norte e Nordeste do país, afetando principalmente o Maranhão.

O El Niño é um fenômeno climático de escala global que ocorre quando uma grande massa de água mais quente que o normal se acumula no Oceano Pacífico, o que altera padrões climáticos em todo o mundo. No Brasil, entre as alterações comuns, estão a diminuição das chuvas nas regiões Norte e Nordeste e o aumento das temperaturas.

Segundo os dados do Inmet, as áreas mais atingidas pelo calor serão o sul e o sudoeste do Maranhão, onde as temperaturas podem ultrapassar os 38 graus Celsius. Além disso, a sensação térmica pode superar os 40 graus, criando condições desconfortáveis e possivelmente perigosas para os moradores.

Especialistas em saúde alertam que tais condições extremas de calor podem levar a uma série de problemas de saúde, incluindo desidratação, insolação e exaustão por calor. Os grupos mais vulneráveis, como idosos, crianças, pessoas com doenças crônicas e trabalhadores ao ar livre, são especialmente suscetíveis a esses riscos.

Os moradores são aconselhados a tomar precauções para se protegerem do calor intenso. Isso inclui beber muita água, evitar a exposição ao sol durante as horas mais quentes do dia, usar protetor solar e vestir roupas leves e de cores claras.

Este aumento nas temperaturas ressalta a importância da ação climática e a necessidade de adaptar e preparar as comunidades para lidar com eventos climáticos extremos. Continuaremos monitorando a situação e fornecendo atualizações à medida que mais informações estiverem disponíveis.

CALOR EM IMPERATRIZ: 

Nos últimos dias, a cidade de Imperatriz enfrenta um calor abrasador, com a temperatura registrando altos 36 graus Celsius. A sensação térmica, no entanto, chega perto dos 40 graus, tornando o clima ainda mais insuportável. Acrescente a isso uma umidade relativa do ar muito abaixo do ideal – apenas 30%, quando o recomendado seria pelo menos 60%.

Com um sol escaldante imperando no céu e parecendo marcar presença individual para cada habitante, surge a questão: quais estratégias você tem adotado para amenizar o calor e manter-se refrescado neste ambiente tão quente e seco?

Dias quentes e secos podem representar desafios para a saúde e o bem-estar, especialmente se você não estiver acostumado a tais condições climáticas. Aqui estão algumas recomendações para ajudar a lidar com esses dias:

  1. Hidrate-se: Beber água regularmente é essencial para se manter hidratado em dias quentes. As altas temperaturas fazem você suar mais, o que pode levar à desidratação se não for compensado com a ingestão adequada de líquidos. Bebidas isotônicas, que reabastecem eletrólitos, também podem ser úteis.
  2. Use protetor solar: A exposição prolongada ao sol pode causar queimaduras solares, envelhecimento precoce da pele e aumentar o risco de câncer de pele. O uso de um protetor solar de amplo espectro com FPS 30 ou superior é recomendado.
  3. Vestir-se apropriadamente: Roupas leves, soltas e de cores claras ajudam a refletir o calor do sol e permitem a circulação de ar, mantendo você mais fresco. Chapéus e óculos de sol também são úteis para proteger a cabeça e os olhos da exposição solar.
  4. Evite o sol do meio-dia: O sol é mais forte entre as 10h e as 16h. Se possível, evite sair ao sol durante esse período. Se for necessário sair, procure sombra sempre que possível.
  5. Mantenha-se fresco: Se estiver dentro de casa, tente manter o ambiente fresco. Use ar condicionado, se disponível, ou ventiladores para circular o ar.
  6. Cuide de sua saúde: Dias quentes e secos podem agravar certas condições de saúde, como problemas respiratórios e cardiovasculares. Se você tem uma condição de saúde que pode ser afetada pelo calor, siga as recomendações de seu médico.
  7. Verifique em idosos, crianças e animais de estimação: Esses grupos podem ser mais vulneráveis ao calor e requerem cuidados especiais. Certifique-se de que eles estão se hidratando e se mantendo frescos.

Lembre-se, cada pessoa é única e pode reagir de maneira diferente ao calor. O mais importante é ouvir o seu corpo e tomar as medidas necessárias para se manter seguro e confortável.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
CAPTCHA user score failed. Please contact us!

- Publicidade -spot_img

Mais Populares

- Publicidade -
#

Ultimos Comentários

× WhatsApp