27.2 C
Imperatriz
domingo, abril 14, 2024
spot_img
InícioAssinanteAlunos da rede estadual de Imperatriz fazem protesto cobrando conclusão da reforma...

Alunos da rede estadual de Imperatriz fazem protesto cobrando conclusão da reforma de escola

Alunos do Centro de Ensino Urbano Rocha, localizado em Imperatriz, estão realizando um protesto contundente na Avenida Bernardo Sayão para exigir a retomada imediata da reforma de sua escola. Esta obra, que já se estende por três longos meses, encontra-se atualmente paralisada, causando severos prejuízos ao aprendizado e bem-estar dos estudantes. Durante esse período, os alunos foram realocados para uma escola substituta que carece de infraestrutura adequada e não possui centrais de ar, tornando o ambiente de estudo desconfortável e prejudicando a concentração necessária para o aprendizado.

A situação é especialmente problemática porque o prolongado período de reformas e as condições inadequadas na escola temporária têm consequências diretas na qualidade da educação recebida pelos alunos. Além de enfrentar ambientes precários, a falta de recursos como ar-condicionado agrava o desconforto em dias de calor intenso, tornando ainda mais difícil a manutenção do foco e da atenção durante as aulas.

O portal de notícias Imperatriz Online buscou um posicionamento oficial do Governo do Estado a respeito da situação. Em resposta, a Secretaria de Estado da Educação (Seduc) divulgou uma nota informando que está em processo de substituição da empresa contratada para realizar a obra e que está tomando todas as medidas cabíveis para que os estudantes possam retornar às suas atividades letivas o mais rápido possível.

No entanto, os alunos e seus responsáveis exigem não apenas a retomada das obras, mas também maior transparência e celeridade no processo. A demora na reforma já afetou significativamente o calendário escolar e colocou em risco o cumprimento da carga horária mínima exigida por lei para o ano letivo.

O protesto serve como um apelo urgente para que as autoridades acelerem os procedimentos e evitem um prejuízo ainda maior à formação dos estudantes do Centro de Ensino Urbano Rocha. A situação pede uma resolução eficaz e rápida, para que a educação desses jovens não seja ainda mais comprometida do que já foi até agora.

Valéria Cristina
Valéria Cristina
Jornalista - Graduada no curso de Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA). Membro da equipe de Jornalismo do Imperatriz Online e Mais Maranhão.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
CAPTCHA user score failed. Please contact us!

- Publicidade -spot_img

Mais Populares

- Publicidade -
#

Ultimos Comentários

× WhatsApp