28 C
Imperatriz
sábado, fevereiro 24, 2024
spot_img
InícioEducaçãoJustiça decreta ilegalidade da greve dos professores da UEMA e UEMASUL

Justiça decreta ilegalidade da greve dos professores da UEMA e UEMASUL

@cdtimperatrizmaO Tribunal de Justiça do Maranhão (TJ-MA) decretou a ilegalidade da greve dos professores da Universidade Estadual do Maranhão (UEMA) e da Universidade Estadual da Região Tocantina (UEMASUL). A classe deve retomar as aulas em até 24h, sob pena de multa diária de R$ 100.

A justiça também impediu o bloqueio do acesso às duas universidades, a partir da próxima segunda-feira (13). A paralisação começou no dia 24 de agosto deste ano, com cobranças sobre a realização de concurso público para a recomposição do quadro de professores efetivos, a nomeação de concursados e melhorias estruturais no campus e reajuste salarial de 50,28%.

A Assembleia Legislativa do Maranhão aprovou, no início deste mês de novembro, o Projeto de Lei de autoria do Poder Executivo, que concede reajuste de 11% aos servidores públicos do Estado, incluindo os professores da UEMA e UEMASUL. Porém, em um prazo de 4 anos.

Ao contestar a greve, o Governo do Estado alegou que todos os canais de negociação não foram esgotados e, mesmo assim, os professores decidiram paralisar as atividades. O governo também afirmou que o sindicato não manteve os 30% dos servidores nos postos de trabalho, como deveria ter feito.

A greve já dura mais de dois meses, deixando mais de 50 mil alunos em todo o estado sem aulas. Segundo eles, apenas algumas disciplinas de cursos de graduação estão tendo aulas, porém, são insuficientes para continuar o semestre. No mestrado, todos os cursos estão sem aulas. No campus de Balsas, a paralisação afeta 800 alunos e todos os cursos estão sem aulas.

Lucas Aquino
Lucas Aquino
Acadêmico de Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA). Membro da equipe de jornalismo do Imperatriz Online.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
CAPTCHA user score failed. Please contact us!

- Publicidade -spot_img

Mais Populares

- Publicidade -
#

Ultimos Comentários

× WhatsApp