MP vai recorrer e cobra pena maior para condenado por feminicídio

0
114
blank
- Publicidade -

O Ministério Público do Maranhão informou que vai recorrer à decisão da justiça e pedir uma pena maior para Gabriel Weverton Fontes da Silva, 25, condenado na noite de ontem (25) a 14 anos, dois meses e dois dias, por matar e enterrar a ex-namorada.

Imagens de Notícias de Imperatriz
Gabriel Silva, conde

Segundo o MP, o crime aconteceu em 2018, e apesar de ter circunstâncias favoráveis a ele, como o fato de ele ser menor de 21 anos na época, haviam também, quatro qualificadoras e outros dois crimes contra Gabriel. Para o Ministério Público, esse ultimo fato deve ser o de maior relevância.

Nos últimos três meses a Delegacia da Mulher de Imperatriz registrou 136 boletins de ocorrência contra agressão à mulher na cidade. Os dados mais recentes são referente aos meses de agosto, setembro e outubro deste ano. Além disso, muitas das ocorrências não são registradas e algumas, infelizmente, terminam em morte.

Outros dois casos de feminicídios ocorridos nos últimos anos em Imperatriz estão na pauta do Tribunal do Júri para os próximos dias. Caso você esteja sofrendo uma agressão, ligue para a polícia no 190 e registre um o boletim de ocorrência.

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui