Homem acusado de matar e enterrar ex-namorada de 16 anos é condenado

0
121
blank
Gabriel Silva, condenado
- Publicidade -

O homem, identificado como Gabriel Weverton Fontes da Silva, 22 anos, acusado de matar e enterrar a ex-namorada, de 16 anos de idade, em junho de 2018, no bairro Bacuri, em Imperatriz, foi declarado culpado, no julgamento que aconteceu hoje (24).

Segundo o Ministério Público, Gabriel matou e enterrou a ex-namorada em uma cova rasa e foi condenado a 14 anos, 02 meses e 12 dias de reclusão, pelos crimes de homicídio quadruplamente qualificado, ocultação e vilipêndio ao cadáver. Na época do crime, ele tinha 22 anos de idade. 

O julgamento aconteceu no Fórum Henrique de La Rocque Almeida, em Imperatriz. As investigações da Polícia Civil apontavam que o crime foi passional, porque o acusado não aceitava o término do relacionamento com a vítima.

A acusação, no julgamento, foi feita pelo Ministério Público por meio do promotor de justiça Carlos Hostel. O Ministério Público, informou ainda, que até o final deste ano, mais dois casos de feminicídio serão julgados em Imperatriz.

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui