Grupo de pesquisa da Uemasul é premiado em encontro internacional

0
115
blank
Estudantes e um dos professores no campus da Universidade Estadual da Região Tocantina do Maranhão.
- Publicidade -

Acadêmicos do curso de Engenharia Agronômica e Florestal da Uemasul foram premiados no XXV Encontro Latino Americano de Iniciação Científica. Os alunos fazem parte do Grupo de Pesquisa em Fitopatologia (GPHYTO) e tiveram a orientação dos professores Leônidas Leoni Belan, do Centro de Ciências Agrárias (CCA) e Maruzanete Pereira de Medo, da Universidade Federal do Piauí (UFPI).

O trabalho premiado foi intitulado de “Levantamento de doenças em espécies de plantas agrícolas e florestais na Região Tocantina” e tem como o objetivo pesquisar as doenças que podem atingir as plantas e causar a redução da produção e produtividade das culturas da Região Tocantina.

De acordo com a pesquisa, até o momento, foram diagnosticadas 24 doenças em plantas agrícolas e florestais de 21 espécies botânicas. Esse levantamento serve de base para orientação de políticas públicas, ações técnicas e pedagógicas, e para tomada de decisão quanto ao manejo integrado de doenças em plantas. Auxilia, ainda, na construção de coleções fitopatológicas que servem como base para diagnoses, capacitações técnicas para a comunidade agrícola e na formação profissional dos estudantes de Ciências Agrárias.A pesquisa investiga

Os autores da pesquisa foram os estudantes Marcelo Martins Vaz, Sara Steffany Claudino Leite, Gustavo Teixeira da Silva Oliveira e Maruzanete Pereira de Melo que venceram na categoria Engenharia Agronômica. O evento ocorreu de forma online, nos dias 20, 21 e 22 de outubro e teve como tema “Ciência, Saúde e Tecnologia: agentes de transformação e conscientização da sociedade”.

- Publicidade -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui