28.9 C
Imperatriz
sexta-feira, setembro 24, 2021
spot_img
InícioPolicialBruno Calaça, morto por PM, faria aniversário nesta terça-feira

Bruno Calaça, morto por PM, faria aniversário nesta terça-feira

O médico Bruno Calaça, morto pelo policial militar Adonias Sadda há quase um mês, completaria 24 anos nesta terça-feira. O rapaz nem chegou a atuar como médico, mas já tinha um contrato de trabalho no estado do Pará, onde fez seu internato. Bruno também não chegou a receber o diploma de graduação, já que a cerimônia, ocorrida no Tocantins, foi depois de sua morte. O documento foi entregue para sua mãe, Ariélia Calaça, e a turma recebeu o nome do médico como homenagem.

Nesta segunda-feira, o inquérito policial que apurou a morte do médico foi concluído pela Polícia Civil e indiciou dois dos três suspeitos (veja a postagem anterior). A família do médico foi para Porto Nacional, cidade onde Bruno foi enterrado, para prestar homenagens ao médico. Nesta semana também completa um mês da morte de Bruno Calaça.

Relembre o caso

O médico Bruno Calaça foi morto com um tiro no peito pelo policial militar Adonias Sadda, no dia 26 de julho. O jovem tinha 23 anos e tinha terminado a graduação em Medicina há cerca de 10 dias. O crime aconteceu em uma boate que funcionava fora do horário determinado pela lei municipal que veta o funcionamento depois das 2h. O médico foi morto por volta de 3h20 da madrugada.

Imagens de Notícias de Imperatriz
Ananda Portilho
Bacharela em Comunicação Social/Jornalismo pela Universidade Federal do Maranhão, em Imperatriz. É repórter e âncora no Imperatriz Online. Apaixonada por futebol, animais e boas histórias.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -

Mais Populares

Ultimos Comentários

José Galvão on Quatro feridos em tiroteio
Jaciane oliveira de Sousa on Casamento comunitário será online
Pablo Nascimento Cortez Moreira on Professor Frazão morre por complicações de covid-19
Ildeane Ramos do Nascimento on Caixa Econômica tem novo horário de atendimento
× WhatsApp