30.2 C
Imperatriz
sábado, setembro 18, 2021
spot_img
InícioCoronavírusCerca de 100 trabalhadores demitidos por recusar se vacinar contra Covid-19 no...

Cerca de 100 trabalhadores demitidos por recusar se vacinar contra Covid-19 no MA

Cerca de 100 pessoas foram demitidas do trabalho por se recusar a tomar a vacina contra a Covid-19 no Maranhão.

Essa é uma medida determinada pelo Ministério Público do Trabalho (MPT), que considera que recusar tomar a vacina sem justificativas é um ato faltoso, passível de demissão. Entre os trabalhadores que foram demitidos, a maior parte são profissionais da saúde, trabalhadores domésticos e comerciários.

Nesse caso, o desligamento do trabalhador deve acontecer somente em último caso, sendo que a imunização pode ser exigida pelo empregador na medida que existem doses disponíveis na localidade.

Além disso, o trabalhador pode não tomar a vacina caso apresente algum documento médico que comprove que ele não está em condições de receber o imunizante.

A principal orientação é que as empresas incentivem os funcionários a receberem a vacina e que o risco de contágio pela Covid-19 esteja presente no programa de riscos ambientais das instituições.

Imagens de Notícias de Imperatriz
Carla Guerrero
Graduanda em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo, na Universidade Federal do Maranhão (UFMA). Atual presidente da Empresa Júnior de Jornalismo da UFMA, a Imprensatriz. Membro da equipe jornalística do Imperatriz Online.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -

Mais Populares

Ultimos Comentários

José Galvão on Quatro feridos em tiroteio
Jaciane oliveira de Sousa on Casamento comunitário será online
Pablo Nascimento Cortez Moreira on Professor Frazão morre por complicações de covid-19
Ildeane Ramos do Nascimento on Caixa Econômica tem novo horário de atendimento
× WhatsApp