Suzano apresenta iniciativas de conservação do solo

Unidade Florestal do Maranhão tem 50% de suas áreas destinas à conservação

Assessoria

No Dia Nacional da Conservação do Solo, celebrado na última segunda-feira (15), a Suzano traz informações sobre suas iniciativas em prol do cuidado e conservação de suas áreas.

Os plantios de eucalipto são realizados em áreas já consolidadas, isto é, em regiões já utilizadas anteriormente para outras finalidades como pecuária e agricultura, muitas vezes já bastante degradadas em função do uso contínuo do solo sem técnicas adequadas de manejo e conservação. Como consequência desse cuidado e das boas práticas socioambientais, a Suzano é certificada com os selos verdes FSC® e Cerflor®.

O plantio do eucalipto quando realizado em áreas degradadas por outras atividades contribui com a recuperação daquele solo, através da cobertura florestal da área, antes exposta. Além disso, a Suzano pratica o cultivo mínimo, com baixa interferência na terra, mantendo os resíduos da colheita (galhos finos, folhas e casca) no solo, contribuindo com a manutenção da fertilidade e proteção contra erosão e degradação. O cultivo mínimo auxilia na proteção do terreno, pois somente a linha de efetivo plantio é preparada, deixando todo o restante da área sem revolvimento e movimentação, não expondo, portanto o solo à erosão.

Assim como outras espécies, o eucalipto também precisa de água para sobreviver. Porém, ele retém menos água que plantas de matas nativas. Suas raízes não ultrapassam dois metros e meio, portanto não chegam aos lençóis freáticos, já suas folhagens permitem que a água chegue ao solo mais rapidamente.

Carregar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja Mais

Saiba como se credenciar para a 19ª Fecoimp

Saiba como se credenciar para a 19ª Fecoimp Para quem recebeu cortesia, credencial ou àque…